terça-feira, 26 de maio de 2009




Esse texto foi postado no antigo blog em 04/09/2006 e hoje fuxicando por lá vi que algumas coisas mudaram [e pra melhor] mas a maioria continua igualzinha, e eu gosto disso.



Eu dou gargalhada na hora errada
Eu choro por amor
Eu choro até vendo comercial de margarina
Eu leio gibi
Eu ouço Alcione pra curtir deprê
Eu vou na padaria de carro
>AGORA EU ANDO
Eu malho frenéticamente
> EU NÃO MALHO MAIS
Eu penetro em festa de amigo
Eu digo não querendo dizer sim
Eu digo sim querendo dizer não
Eu fico de porre por indução
> JURO QUE ESTOU TENTANDO CONTROLAR ISSO
Eu dou topada no vento
Eu brigo comigo mesma
Eu tomo banho de chuva
Eu pago cerveja pra amiga
Eu beijo com a alma
Eu doo sangue
Eu pinto o cabelo
Eu amo intensamente
Eu compro briga de amigo
> ACHO QUE FAREI ISSO ETERNAMENTE
Eu me apego muito fácil e desapego mais fácil ainda, ou não
Eu durmo no ônibus
Eu odeio barata
Eu prefiro a noite mas amo o dia
Eu sou a mais ariana que conheço
Eu pago as contas da minha mãe
Eu sou Flamenguista doente
> E SOU RAÇA RUBRO NEGRA COM MUITO ORGULHO
Eu assisto Cartoon
Eu sou chocólatra
Eu odeio matemática
Eu gosto de cafuné
Eu vou à festa de criança sem ter criança
Eu amo meus amigos com todo o coração
Eu vou ser madrinha de um casamento
> EU FUI E FOI LINDO
Eu sou o homem da casa
Eu compro cd por causa de uma só música
> NÃO COMPRO MAIS, BAIXO NO CARÃO
Eu gosto da Hello Kitty e da Bety Boop
Eu como no Mc Donald´s sem culpa
> LEMBRA QUE EU NÃO MALHO MAIS?
Eu empresto dinheiro pra amigo mesmo sabendo que não vou receber de volta
Eu tenho celulites
Eu sou um turbilhão de emoções
Eu babo no travesseiro
Eu sorrio com os olhos
Eu sou muito segura às vezes e outras nem tanto
Eu adoro perfume de morango
Eu respeito mesmo quando não me respeitam
Eu como pão com ovo
Eu ligo só pra dizer oi
Eu sonho acordada
Eu fico horas no telefone
Eu sei rezar o terço
Eu leio quatro livros ao mesmo tempo
Eu odeio acordar cedo
Eu falo palavrão
Eu sou ansiosa além da conta
Eu sou criança quando tenho que ser adulta
Eu não sou econômica
>TÔ MELHORANDO MUITO NISSO
Eu não aprendi a lidar com gente burra
Eu me finjo de burra quando preciso
Eu não tomo banho quente
Eu sou viciada em beijo no pescoço
Eu não esqueço quem deveria esquecer
>HAAAA! ESQUECI!
Eu amo lasanha de queijo e presunto
Eu reparo a boca dos outros
Eu sou indecisa
Eu leio Bukowski
Eu tenho olheiras
Eu espero por um mundo melhor
Eu sou honesta demais
Eu acordo de bom humor
Eu sou carioca do meio da gema
Eu escrevo tudo o que penso num blog que todo mundo lê e quase ninguém comenta
Eu amo um homem que ainda não descobriu o que quer da vida
>EU NÃO AMO NINGUÉM E AMO ISSOOOOO
...ou já?

4 comentários:

Luma disse...

Paulinha, o que é porre por indução? (rs*)

Também gosto de ler os arquivos e saber o que pensava a um ano atrás, por exemplo. Saber principalmente se as minhas dúvidas eram as mesmas ou se passava pelas mesmas coisas. Um exercício! Beijus

lckbarbie disse...

me empresta uma grana, mas não vai ter volta rs
"Eu empresto dinheiro pra amigo mesmo sabendo que não vou receber de volta"

Adorei o post
=]

OMAR HAIKAL disse...

já eu empresto na esperança de ter de volta, mas nunca acontece! huahuahu

luluonthesky disse...

Gostei da listinha Paulinha, mas tem como aumentar a fonte? Achei tão pequena que mal consegui ler direito.
Big Beijos

‚‚‹ Blogger template 'Personal Blog' by Ourblogtemplates.com 2008